Menu Principal > Artigos



Frei Petar e os Segredos de Medjugorje!
Postado em 04/10/2018, às 20:53:56
 
Entrevista com o padre franciscano, Petar Ljubicic, que revelará os Segredos de Medjugorje, três dias antes de cada um.

Publicado na revista ”KAMENJAR – VAMOS CRESCER NA FÉ” – 16.07.2017.

Nasci no vilarejo de Prisoi, na Hercegovina, no dia 22 de outubro 1946 e, seis dias depois, fui batizado em Pothum. Os meus pais receberam o Santo Sacramento matrimonial no ano 1941. Como minha mãe não conseguia engravidar, fazia muitas promessas, pedindo a Deus o dom da maternidade. Depois de 5 anos, fui o primeiro dos 10 filhos dela, recompesada por Deus.

Interessante é quedesde crianca, eu sempre desejei ser padre: de fato, padre franciscano. Nunca pensei em algo diferente. Terminando a escola primária, fui logo procurar o meu pároco, padre Vlado Vlasic, um padre que viveu e faleceu como um santo. Ele, para mim, foi um grande exemplo. Conversava com ele abertamente  por longos períodos. Como as minhas notas escolares eram ótimas e  com a sua recomendação, fui recebido no Seminário. No liceu, estudei em Zadar, Split  e  Dubrovnik, e os estudos superiores foram em Sarajevo e na Alemanha, em Konigsteinu, onde fui ordenado, no ano 1972.

Lembro-me muito bem que, no dia da primeira aparição de Nossa Senhora, a GOSPA, na Colina das Aparições, no Podbrdo, eu estava na paróquia de Tihalina.  Estava preparando as criancas para o Santo Sacramento da Crisma. A notícia se espalhou com rapidez, na região toda. Logo que consegui, fui para Medjugorje, para ver o que estava acontecendo. No terceiro dia, já estava na  multidão que chegava de todos lados e ia para Bijakovic /o local da colina. Conversava com  pessoas sérias, com aqueles que eu tinha certeza de serem fiéis e responsáveis, perguntando se talvez alguém não estaria manipulando as criancas. Fui convencido e, também, com os testemunhos, que isso não seria possível. Eliminei qualquer possibilidade de qualquer cilada.

Depois de conversar com as videntes, Vicka e Ivanka, tinha certeza que as criancas  falavam a verdade. E como acreditei neste momento, a assim até hoje, não tive dúvida nenhuma.

É interesante que, nesse tempo, estava lendo sobre as aparições de Maria, em Lourdes e Fátima. Não sei se isso foi por acaso, mas penso que não porque, para nós, os que cremos, nada é por acaso. Aconteceram as aparições em Medjugorje e eu concluí – se Nossa Senhora aparece em outros lugares, por que também não poderia aparecer aqui e nos visitar?

Desde este momento, aproveitava todo tempo livre para ir a Medjugorje. Confessava e ajudava sempre que possível.

O que, para o senhor, significa Medjugorje?

Para mim, na verdade, tudo isso é um fenômeno mundial. Isso é o espírito da Igreja de hoje que,  há mais de um quarto de seculo, está acontecendo. Neste lugar, acontecem milagrosas e impressionantes conversões. Lugar onde chegam os cansados, doentes, enganados e decepcionados, e voltam curados, transformados, corajosos para continuar e testemunhar a sua vida, preenchidos com o Espírito Santo e com a força das fortes mensagens da Maria. Chegam assustados, e voltam corajosos; chegam desesperados e voltam como transmissores da fé. Nossa Senhora, a Gospa, repete-nos aquilo que Jesus falou, no início de Suas pregações: ”Convertam-se e creiam no Evangelho!” A fé e a conversão andam juntas porque, se acreditamos que Deus nos pode converter, vamos andar no caminho da nossa salvação, para onde somos chamados, desde o momento do nosso batismo até o fim da nossa vida terrestre. Isso é a medula, o centro de Medjugorje, uma misericórdia especial, um grande dom de Deus, que reforça a nossa fe.

Qual são as lembrancas que o senhor leva do longo trabalho pastoral em Medjugorje?

Eram difíceis, cansativos, exaustivos, mas dias inesquecíveis. Não tinha horário para me deitar ou me levantar, mas essas graças não se recebe nem se vive em nenhum outro lugar. De fato, eu tinha que lidar com os peregrinos pobres que necesitavam de muitas coisas, que não tinham dinheiro para pagar a pernoite, e nem para se alimentarem. Chegavam a todo o momento do dia e da noite; muitas vezes, na madrugada. Encontrava pessoas que, em alguns dias, ja eram transformadas, renovadas, espiritualmente e físicamente, sob o manto de Maria.

Em nenhum outro lugar, vi pessoas rezando tão profundamente, como em Medjugorje. Essa oração profunda nos liga a Nossa Senhora, a Gospa, que passou sua vida na Terra rezando e hoje, tambem, no céu, apresenta-nos e reza por nós, porque esse é o unico caminho até à Misericórdia Divina.

Significa que, quem rezar com Nossa Senhora, sente que Ela é sua mãe, que Jesus é seu irmão e Deus, o verdadeiro e único pai. A propósito disso, vou lhe contar um acontecimento que partilhou comigo uma jovem peregrina. Falou que, desde criança, rezava muito tempo e muitas vezes por dia, mas só quando chegou na Colina, o céu se abriu: "Senti e comprendi que o Pai do Céu está  perto de mim, e que Ele, através do Espirito Santo, trouxe-me a Medjugorje. Mais de dez mil vezes rezei o Pai Nosso. Sempre procurei estar concentrada, humilde, obediente e fiel, mas nunca senti aquilo que aconteceu, depois de uma curta oração em Medjugorje. Senti que Deus está buscando que eu me entregue completamente a Ele. Entendi que tenho duas mães: uma aqui, na Terra e a outra, nos céu, duas protetoras. E as palavras de uma mensagem de Nossa Senhora: 'Rezem, filhinhos, para voces entenderem que são meus!', nao saíam da minha cabeça, e por essa grande graça, chorei por muito tempo, de alegria!”

Eu fiquei muito surpreso quando ouvi qual seria minha missão: não podia acreditar, que o céu me escolheu. Como e por que mereço essa graça tão grande?

 

- O padre Petar fala sobre a revelação dos segredos de Medjugorje:

  • Isso vai acontecer em Medjugorje. Dez dias antes da revelação do primeiro segredo, Mirjana irá me avisar, indiferente de onde eu estiver, naquele momento. Imediamente, irei para Medjugorje, e pode até acontecer da Providência de já estar lá. Depois, vou passar sete dias em oração e jejum, para que possa, preenchido da sabedoria do Espírito Santo, entender completamente o significado da mensagem e entrar profundamente no segredo desta mensagem. E então, tres dias antes dos acontecimentos anunciados, revelarei os segredos ao mundo – explica padre Petar os acontecimentos que com certeza irão emocionar o planeta todo.

Sobre isso, ele conversou com Mirjana, e ela diz que Nossa Senhora deseja que o maior número possivel de pessoas saibam o que vai acontecer, porque as revelações dos segredos são importantes para a toda humanidade. Como serão repassadas ao público, ainda não se sabe, mas com certeza a mensagem será rapidamente divulgada, porque disto irá se ocupar a Virgem Maria.

  • Quando chegar este momento – avisa o padre Petar –, num pergaminho, será escrito o conteúdo do primeiro segredo, e eu vou poder vê-lo. Depois de sete dias, isso não será mais segredo e será possível que todos os olhos o vejam. Deste modo, tudo se repetirá igualmente, até que o mundo tome conhecimento de todos os dez segredos, e aquilo que eles trarão consigo.

Como muitas vezes, o padre Petar esteve presente em muitas aparições, o que é que ele sabe sobre os segredos? Testemunhou que, por duas vezes, viu Mirjana chorar durante o êxtase.  Depois, ele a perguntou porque chorou, e ela respondeu-lhe que viu muitas criancas pequenas sofrendo, mas que não pôde falar nada sobre isso.

  • Sei que os tres primeiros segredos estão ligados a Medjugorje  –  diz o padre Petar. Os dois primeiros segredos serão avisos e grandes advertências, e irão demonstrar claramente ao mundo que Nossa Senhora aparecia em Medjugorje, e que os videntes falavam a verdade. O terceiro segredo será um sinal indestrutível e que converterá muitas almas. Os outros segredos, com certeza, vão ser acontecimentos impressionantes que irão agitar o mundo, e serão o aviso para a conversão  e que não temos que ter medo.

Sobre o terceiro segredo, sabe-se mais do que todos os outros. Os videntes dizem que se trata de um ”grande sinal” que aparecerá inesperadamente, no momento certo, no lugar onde Nossa Senhora – a Gospa – apareceu, no início das aparições, no Podbrdo. Será visível, permanente e indestrutível. Deste modo, Nossa Senhora cumprirá a sua promessa de que deixaria a prova da Sua vinda e presença, em Medjugorje. Os videntes dizem que isso Ela prometeu ”de um modo especial, deixar este sinal, para aqueles que ainda estão afastados de Deus”.

  • Isso é mais um presente de Nossa Senhora, da Gospa, para que saibamos que Ela esteve conosco – explica Mirjana. Será visível, não será feito por mão humana. e vindo verdadeiramente de Deus.

E claro que a pergunta essencial é: quando os segredos serão revelados? Será que acontecerá quando os tres videntes receberem todos os dez segredos? Será que aí cessarão as aparições de Medjugorje? De qualquer jeito, com certeza, esperam-nos tempos turbulentos!

 

Tradução do croata: Katarina Verbanac, com revisão do Português por: Denis C. Cervinskis. Fonte: medjugorje.com.br

 
 

Artigo Visto: 163 - Impresso: 4 - Enviado: 0

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão desde que sempre sejam citados a fonte www.medjugorjeurgente.com.br